PRINCESA PRESTA SUA HOMENAGEM AO CANHOTO



João de Nadir sobrinho de Canhoto, na primeira fila.


Na Sessão Solene da Câmara, todos assistiam sem piscar o vídeo que eu fiz, da última visita do Canhoto(já doente) a sua terra natal.

Toi Delano grande amigo e companheiro do Canhoto, acompanhado por Damião e Carlos Carmelo.

Uma missa foi celebrada pela alma do Francisco Soares(Canhoto)



Pelas ruas da cidade a Banda Marcial prestou sua homenagem ao Canhoto.




O bate papo musical foi comandado pelo grande locutor Jandui Sabino, a voz mais comercial da região.






Com entrevista e musica ao vivo com Toi Delano e Damião, Francisco Florêncio abriu assim a programação para o aniversário de morte do inesquecível Canhoto da Paraíba.

3 comentários:

  1. Urariano Mota disse...:

    Coisa bonita. Mais que bonita essa homenagem dos filhos de Princesa a seu mais ilustre. Fui testemunha, em mais de uma oportunidade, do amor de Canhoto por sua terra, pela antiga namorada, que lhe fazia marejar os olhos. Sou autor do "Oração para Canhoto da Paraíba", que pode ser visto em http://www.samba-choro.com.br/debates/1091407338
    Aproveito e deixo o convite para que visite o meu blog
    http://urarianoms.blog.uol.com.br/

  1. Fábio disse...:

    Obrigado pela ilustre visita e PARABÉNS por seu bonito trabalho...
    SUCESSO!!!
    Abraços e PAZ!!!

  1. CHICO FLORENCIO disse...:

    Caro Fabio: complementando tuas informações sobre este evento, alem da entrevistas na Radio Princesa, teve alvorada sonora, uma jornada nas escolas estaduais e municipais dedicada a Canhoto, com exposição de trabalhos e apresentações que foi encerrada com o desfile do qual seu blog apresentou as fotos. Foi feita uma aposição de foto de Canhoto no hall da Prefeitura, pelo Prefeito Thiago, teve a sessão solene na Camara Municipal (propositura do Ver. Irismar Mangueira), missa "in memoriam", programação musical na Radio e carro de som, e um projeto em fase de aprovação na Camara de Vereadores para a criação de trofeu de merito artistico "Canhoto da Paraiba". É o minimo que se podia fazer, mas foi feito com alma e grande participação de princesenses saudosos do grande Chico!